badge respira futebol

domingo, janeiro 11, 2009

Benfica mantém-se na luta pelo título com golo irregular

Liga Sagres
Benfica 1 - 0 Braga
(David Luiz)



O Benfica venceu o Braga e alcançou o Sporting na liderança provisória do campeonato (à hora que escrevo este texto, o FC Porto ainda empata no Dragão com o Trofense). Flores venceu Jesus num jogo em que nenhuma equipa se conseguiu impôr de forma clara sobre a outra, pelo que o golo de David Luiz materializou a margem mínima com que se construiu a vitória vermelha.

Acontece que David Luiz estava claramente fora-de-jogo antes, durante e depois de Aimar bater o livre que originou o golo do brasileiro. O lance foi considerado legal pela equipa de arbitragem, e o golo foi validado. Deduzo que o silêncio será a reacção dos dirigentes do Benfica, pois a sua equipa foi decisivamente beneficiada. Só o digo para sublinhar um comportamento que nem é exclusivo por parte dos dirigentes da Luz - só se comentam arbitragens quando estas nos são desfavoráveis. Anormal seria meter o dedo na ferida.

Eu sei que o adversário era um "osso duro de roer", com um treinador que sabe da poda, mas espero que a equipa comece a pensar em estabilizar o seu futebol e a melhorar a qualidade das suas exibições. O Benfica nunca conseguiu assumir o jogo nem apresentar soluções para a elevada pressão por parte dos arsenalistas.

Suazo esteve muito sozinho na frente do ataque. Aimar não apresenta índices físicos condizentes com os de um profissional de futebol (mal aguenta um contacto) - se é titular pelas tabelinhas, aguentava-se Nuno Gomes e poupava-se uma pipa de massa (só em Aimar e Balboa terão sido desperdiçados 10 milhões de euros). Maxi Pereira é esforçado e voluntarioso, mas não é a solução ideal para a posição de defesa direito. Di Maria não consegue cumprir os mínimos que justifiquem a sua contratação, quanto mais ambicionar jogar em Madrid... Yebda, apesar de muito lutador e fisicamente imponente, perde muitas bolas com maus passes.

De positivo, ressalvem-se as exibições de Miguel Vítor (sentou Sidnei, dias depois da renovação até 2013), Luisão (tem estado seguro), David Luiz (pelo golo, ainda que ilegal, e pelos cortes certeiros), Moreira (várias intervenções de muito bom nível e de elevada dificuldade), Ruben Amorim e Katsouranis (os melhores do meio-campo).

Ainda assim, pese o penalty desperdiçado por David Suazo, o Benfica conseguiu uma importante vitória, que deverá deixar os jogadores mais tranquilos durante o trabalho semanal e servir de motivação para o jogo de quarta-feira contra o Olhanense, para a Taça da Liga.

2 comentários:

Cara de Serenidade disse...

Se fosse só um golo irregular. A entrada de Luisão sobre Matheus, na grande área é escandalosa! Enfim, o que não falta infelizmente são casos! Não se vê é o Vieira a reclamar como é de costume. Quanto ao SLB, epa não jogaram mal, mas como de costume não impressionaram.

Está aqui um blog bem escrito, pena ser tão vermelho! :)
Cumprimentos azuis! ;)

RA disse...

Obrigado pelo elogio. :)

Sim, de facto houve ainda essa situação do Luisão (tanta câmara no estádio e não há nenhuma que confirme o que se deduz - que há falta) a acrescentar a uma exibição que não me satisfez minimamente. Houve um ou outro bons momentos, mas é muito pouco para quem joga em casa e ambiciona o título!